Sobre os anzóis

001

Desde minha mais tenra infância tenho a impressão de ter visto essa imagem: dois anzóis, um de frente para o outro, unidos para representar o amor. Imagine o coração desenhado por adolescentes apaixonados. Eu via o amor por todos os lados: paredes, árvores, muros, carteiras de escola, bilhetes. Em todo romance ele estava.

Fui ensinada a desejar tal amor. Não apenas a imagem, mas tudo o que representava. Nas paredes, um beijo roubado; nas árvores, um piquenique; nos muros, uma declaração avassaladora; nas carteiras de escola, um olhar proibido; nos bilhetes, um poema. E assim mesmo eu o quis.

Porém, na primeira vez que me senti abandonada, todas essas ideias me fizeram questionar o amor. Por que tive que sofrer? O que fez de errado a mãe a deixada com três filhos? O que se pode dizer ao jovem cuja esposa lhe foi roubada pelo câncer? E o que pensar dos dois garotos que apanharam por darem-se um beijo?

002

O que ninguém havia me contado sobre o amor é que ele precisa resistir. Por mais profundo que seja o corte feito na árvore, as circunstâncias temporais o poderão comprometer. Em paredes e muros, basta um proprietário irritado e um pintor para que se apague. As carteiras da escola serão outras no ano que vem. E os bilhetes, por mais ternos, podem ser rasgados, puídos e perdidos.

Somente no sofrimento aprendi a essência do amor: ele é o contrário do egoísmo. Amar é sobrepor o medo do abandono, da perda, e correr vigorosamente ao abraço da simples possibilidade. É querer mais a felicidade do outro que a de si. É ir contra toda satisfação pessoal e render-se pelos sonhos de alguém que não é você mesmo. É dizer não a tudo que o mundo lhe ensinou nos comandos: seja o primeiro, ganhe, acumule. Amar é ser o último, perder, dividir.

Conforme a vida caminhou, faria uma interferência no início, se pudesse. Enviaria a mim mesma um sonho e diria que os anzóis não têm nada a ver com o que eu desejava. A imagem perfeita do amor é uma cruz, e nela ele está.

Por Mila Suzano, autora do blog doisolhosazuis.wordpress.com e parte da equipe Elevarte

Anúncios